buscar

Siga antenado: saiba como solicitar a parabólica digital gratuita

É possível solicitar o agendamento e a instalação gratuita de uma parabólica digital para famílias de baixa renda em 439 municípios. De acordo com o Ministério das Comunicações, para ser elegível, a família precisa estar inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e já possuir uma parabólica tradicional em funcionamento em casa.
Publicado em Tecnologia dia 6/03/2023 por Alan Corrêa

É possível solicitar o agendamento e a instalação gratuita de um kit parabólica digital gratuita para famílias de baixa renda em 439 municípios.

De acordo com o Ministério das Comunicações, para ser elegível, a família precisa estar inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e já possuir uma parabólica tradicional em funcionamento em casa.

Famílias de baixa renda podem solicitar parabólica digital gratuita (Valter Campanato/Agência Brasil)

Segundo o Ministério das Comunicações, a substituição da parabólica tradicional pela digital tem como objetivo evitar interferências nos canais abertos de TV por satélite devido ao sinal do 5G, que é transmitido na mesma frequência.

Além disso, a parabólica digital oferece melhor qualidade de som e imagem, além de acesso a 100 canais gratuitos.

De acordo com as estimativas, aproximadamente 1,5 milhão de pessoas serão beneficiadas com a instalação dos kits de parabólica digital gratuita.

São Paulo é o estado com o maior número de municípios contemplados, com 163, seguido por Santa Catarina, com 36, e Paraná, com 33 (veja a lista de cidades).

Para agendar a instalação da parabólica digital, as famílias de baixa renda podem entrar em contato por meio do telefone 0800 729 2404 ou acessar o site sigaantenado.com.br. É necessário fornecer dados pessoais, como CPF e NIS, para solicitar o serviço.

*Com informações do Ministério das Comunicações, Sigaantenado, Agência Brasil e GovBr.