Homem que poderia ser o primeiro africano negro a ir ao espaço morreu em acidente

Uma triste notícia abalou o mundo científico no último sábado (6), vamos ter que esperar um pouco mais parar termos o primeiro astronauta africano negro no espaço.

Novidades
1 semana atrás
Homem que poderia ser o primeiro africano negro a ir ao espaço morreu em acidente

Mandla Maseko, de 30 anos, era um forte candidato a ser o primeiro africano negro a ir ao espaço, mas ele morreu em um acidente de moto.

A história já teve astronautas vindos do continente africano — sendo eles, Mike Melvill e Mark Shuttleworth – mas eram todos brancos.

O homem sul-africano que ganhou a chance de ser o primeiro negro africano no espaço morreu em um acidente de motocicleta antes de transformar seu sonho em realidade.

Maseko havia feito treinamentos na Kennedy Space Academy, na Flórida, onde fez lições de paraquedas e aprendeu técnicas para lidar com a baixa gravidade espacial.

Carinhosamente chamado de ‘Afronaut’ (“afronauta”), Maseko foi escolhido entre milhões de participantes de 75 países para integrar um grupo seleto de 23 pessoas que fariam treinamento espacial. O sul-africano ganhou o direito de ir ao espaço em 2013, pois foi vencedor da competição AXE Apollo Space Academy.

Ele morreu em um acidente de moto no sábado, de acordo com uma declaração da família citada pela mídia local no domingo.

Nascido no município de Soshanguve, perto de Pretória, sua vitória foi uma fonte de orgulho nacional e tinha vizinhos cumprimentando-o por colocar os municípios da África do Sul no “mapa galáctico”.

Ele passou uma semana na Academia Espacial Kennedy, na Flórida, onde ele praticou skydive e realizou combate aéreo e treinamento em força G.

Lá ele conheceu e posou para fotos com o astronauta norte-americano Buzz Aldrin, que foi o segundo homem a pisar na lua depois de Neil Armstrong como parte da missão espacial Apollo 11 de 1969.

Ele estava originalmente programado para voar em 2015, mas a missão teve que ser adiada e nenhum plano para sua viagem tinha sido divulgada até o momento de sua morte.

*Com informações da CNN, The Guardian e Revista Galileu.

Fusne

O Fusne é um site para quem ama internet, nós somos especializados em comprar online. O que você vai encontrar por aqui é escrito por humanos, que vivem fazendo compras online, assim como você, então entende as suas dificuldades e tristezas nessas horas. O material do Fusne é testado várias e várias vezes pela equipe...

Vamos Bater um Papo?