buscar
Mundo

Darth Vader é julgado em tribunal chileno

Em um caso inusitado que chamou a atenção do público, o Tribunal de Apelações de Valparaíso condenou o infame Darth Vader a uma pena de "Congelamento Perpétuo" por ter usado um sabre de luz para decepar a mão de seu próprio filho, Luke Skywalker. No entanto, a pena foi reduzida após argumentação da defesa. A condenação teve como base os princípios do Código Penal Espacial.
Publicado em Mundo dia 4/06/2023 por Alan Corrêa

Em um caso inusitado que chamou a atenção do público, o Tribunal de Apelações de Valparaíso condenou o infame Darth Vader a uma pena de “Congelamento Perpétuo” por ter usado um sabre de luz para decepar a mão de seu próprio filho, Luke Skywalker. No entanto, a pena foi reduzida após argumentação da defesa. A condenação teve como base os princípios do Código Penal Espacial.

A decisão deixou muitos perplexos, assim como aconteceu conosco ao ler a notícia veiculada pelo Diário do Nordeste. No entanto, esclarecemos que tudo não passou de uma brincadeira e uma ação educacional realizada pelo sistema judiciário chileno para ilustrar o funcionamento de um Tribunal de Apelações. O objetivo era demonstrar como uma argumentação defensiva bem elaborada pode resultar na redução de uma pena potencialmente exagerada, nesse caso, o congelamento.

Tribunal de Apelações de Valparaíso Condena Darth Vader por Decepção de Mão de Luke Skywalker

É importante ressaltar que essa ação faz referência à famosa cena do filme “O Império Contra-Ataca”, da trilogia original de Star Wars, na qual Darth Vader desempenha um papel de destaque. No mesmo filme, é revelado que Vader é, na verdade, o pai de Luke, o que também foi considerado na argumentação da defesa.

A condenação por congelamento de carbonita também levou em conta outros atos cometidos pelo réu, conhecido como “Senhor Vader”, antes do incidente em julgamento. Além de decepar a mão de seu próprio filho, Vader havia construído uma arma capaz de gerar destruição em escala planetária e governava com mão de ferro um estado ditatorial, reprimindo violentamente dissidentes políticos com o uso do aparato militar.

No entanto, a defesa argumentou que os outros crimes cometidos por Darth Vader, embora abomináveis, deveriam ser julgados separadamente, uma vez que o caso em questão se referia exclusivamente à separação da mão de Luke Skywalker. Com isso, Vader conseguiu escapar do congelamento, mas não da prisão.

*Com informações de OGlobo e Euronews.