buscar
Esportes

Copa do mundo feminina da Fifa: confiança e Otimismo apesar da derrota

Neste sábado (29), a seleção brasileira de futebol feminino enfrentou a França em uma partida acirrada durante o Mundial, resultando em uma derrota por 2 a 1. Apesar do resultado decepcionante, os torcedores presentes no Museu do Futebol, em São Paulo, mantiveram a esperança em uma classificação para a próxima fase da competição, que está sendo disputada na Austrália e Nova Zelândia.
Publicado em Esportes dia 29/07/2023 por Alan Corrêa

Neste sábado (29), a seleção brasileira de futebol feminino enfrentou a França em uma partida acirrada durante o Mundial, resultando em uma derrota por 2 a 1. Apesar do resultado decepcionante, os torcedores presentes no Museu do Futebol, em São Paulo, mantiveram a esperança em uma classificação para a próxima fase da competição, que está sendo disputada na Austrália e Nova Zelândia.

Para os espectadores, a derrota do Brasil foi atribuída, em grande parte, à demora da técnica Pia Sundhage em fazer mudanças táticas na equipe. Bruno Ferrari, de 32 anos, que assistia ao jogo com a namorada e amigos, expressou sua insatisfação com a atuação da seleção: “O Brasil hoje foi lamentável. Achei que não foi uma boa exibição, infelizmente.” Ele ressaltou a falta de dinamismo por parte de Sundhage para buscar uma nova vitória, semelhante à goleada de 4 a 0 contra o Panamá na partida anterior.

Confiança e Otimismo Apesar da Derrota: Brasil Feminino Luta pela Classificação no Mundial (Paulo Pinto/Agência Brasil)

Tamires Silva, jogadora de 24 anos do projeto social Complexo Pedreira, que estava torcendo ao lado de suas companheiras de time, também apontou falhas táticas no jogo: “Foi um jogo difícil por ser a seleção da França. Não é fácil, as meninas [francesas] jogam muito bem. Porém, a técnica [Pia Sundhage] falhou muito. Demorou muito a fazer substituições. Algumas meninas tiveram falhas, não tocavam muito [a bola]. Foi [algo] muito individual, enquanto o futebol é coletivo, não é só um. Tivemos algumas falhas, mas agora é trabalhar para melhorar.”

Apesar das críticas, os torcedores permaneceram otimistas quanto à classificação do Brasil para a próxima fase do Mundial. Acreditam que a equipe conseguirá superar os obstáculos e avançar na competição. No entanto, também reconhecem que a jornada será desafiadora, especialmente enfrentando seleções mais difíceis como a Alemanha.

A partida contou com uma torcida entusiasmada e apaixonada no Museu do Futebol, que exibiu o jogo gratuitamente para os espectadores. O local se tornou um ponto de encontro para apoiar a seleção feminina e promover a importância do futebol feminino no país. Marilia Bonas, diretora técnica do museu, destacou o compromisso em apoiar o futebol feminino, uma modalidade que enfrentou décadas de proibição no Brasil.

Para muitos, o futebol feminino é mais do que apenas um esporte, é uma forma de resistência social e dentro de campo. A história do futebol feminino no Brasil é marcada por lutas e superações, e a atual Copa do Mundo é um momento de celebração do avanço e do reconhecimento que a modalidade tem conquistado.

Embora a derrota tenha sido um obstáculo, os torcedores estão confiantes de que a seleção brasileira pode superar as adversidades e trilhar o caminho rumo à vitória. O Mundial feminino continua a emocionar e inspirar o país, e a torcida está unida para apoiar as jogadoras e vibrar a cada lance no decorrer da competição. O futebol feminino tem ganhado cada vez mais espaço e relevância, e a torcida brasileira está disposta a apoiar a seleção em sua busca pelo título.

*Com informações da Agência Brasil.