Como o WhatsApp ganha dinheiro?

Todo mundo adora usar o WhatsApp, por ser prático, gratuito e sem anúncios. Mas como é possível uma empresa de grande porte se manter sem lucro aparente? A resposta dessa dúvida que poucos sabem explicar é decisiva para compreender o novo rumo que o aplicativo deve seguir.

Tecnologia
2 semanas atrás
Como o WhatsApp ganha dinheiro?

Um negócio enigmático

Na era das redes sociais que revolucionaram nossas vidas uma dúvida paira no ar: como é possível um aplicativo como WhatsApp tão fantástico ser gratuito?

Aliás, uma das regras do sucesso do aplicativo foi exatamente acabar com as cobranças de ligações ou mensagens a nível nacional ou internacional.

Ainda por cima o WhatsApp não mantém anúncios como tantos outros aplicativos gratuitos que estão cheios de propagandas e nem utiliza de joguinhos para fixar os usuários.

Sem custos e sem publicidade

Em realidade, o WhatsApp não tem uma receita, quer dizer, tem acumulado prejuízos. Só no ano passado foram 130 milhões de dólares.

A razão está nos conceitos que os fundadores Brian Acton e Jan Koum idealizaram a empresa e que são a receita do sucesso: sem custos e sem publicidade.

Isso não quer dizer que o aplicativo não seja lucrativo, ao menos para os fundadores foi bastante, uma vez que foi vendido para o Facebook pela quantia de 22 bilhões de dólares!

Novo rumo do WhatsApp

WhatsApp
WhatsApp

Mas por que investir tanto em um sistema com déficit contínuo? Essa é a pergunta que define o novo rumo do WhatsApp e que os investidores do Facebook têm levantado para questionar a investida de Mark Zuckerberg.

Tudo leva crer que o WhatsApp perca os seus conceitos originais no futuro e siga um caminho parecido do Facebook.

As saídas recentes de Acton e Koum têm sido muito especuladas como uma justificativa dos novos rumos que a empresa deve seguir.

Entre as fontes de receita projetadas, a principal será estabelecer negócios com publicidade.

O risco de desagradar os usuários

Embora a maioria dos 1,5 bilhão de usuários do WhatsApp não esteja acompanhando os bastidores dos negócios, o receio sob a aceitação do público é um dos fatores primordiais que irá definir os próximos passos.

É claro que está fora de cogitação fazer uma enquete com os usuários para saber o que a maioria prefere, uma vez que ninguém tem dúvida da resposta.

O fato de ser gratuito foi decisivo para empresa estourar no mercado e liquidar com os planos de telefonia para ligações e envio de mensagens.

Além do que o domínio completo do aplicativo sobre os concorrentes, como WeChat e Line, está em não utilizar de serviços de pagamentos, compras, jogos e meios de propaganda.

A ideia é de que o novo projeto seja implantado aos poucos, avaliando a reação da opinião pública e utilizando de muitas estratégias de marketing.

Experiência sem sucesso

Se for medir pelo passado a tentativa rentabilizar o WhatsApp não irá vingar. Até 2016 se tentou cobrar 1 dólar por download do aplicativo e por taxa de anuidade.

O resultado é que a cobrança limitou o crescimento de usuários, pois muitos deles não tinham sistema de cartão de crédito para cadastrar.

Compartilhamento lucrativo

Mas Zuckerberg sabia bem o que estava fazendo quando comprou o WhatsApp e o Facebook é a prova incontestável de sua capacidade de direção.

Com efeito, existem outras maneiras de rentabilizar o aplicativo sem chocar os usuários e que, aliás, já estão em execução.

O Facebook se valorizou muito com o investimento feito e o crescente número de usuários do WhatsApp é um poderoso atrativo para o mercado.

De acordo com WhatsApp, atualmente 55 bilhões de mensagens são enviadas diariamente, o que demonstra uma potência de captação fora dos padrões.

Ainda que a empresa não cobre pelos serviços, as informações sobre o comportamento dos usuários são preciosíssimas e torna o sistema de propaganda do Facebook mais eficaz.

Isso abre novas possibilidades de integração entre o WhatsApp e o Facebook, como o compartilhamento da lista de contatos, e que podem expandir ainda mais o poder de ambas empresas.

Por ora, algumas soluções piloto estão sendo testadas entre grandes empresas e que podem vir a ser comercializadas mais propriamente pelo WhatsApp Business.

Como recuperar conversas no Whatsapp

Quando perdemos o celular é um grande transtorno, tudo o que havia lá, e as mensagens. Ai meu Deus! Era toda a nossa vida, tão importante ou ainda mais que a própria carteira, não é mesmo? Vamos dar todas as dicas de como recuperar suas mensagens não importa se você usa o whatsapp no iPhone, no android ou Windows Phone.

O importante é que você pode recuperar as mensagens do Whatsapp apagadas ou perdidas. Se liga nas dicas. Seja qual for seu sistema Android, iPhone ou Windows Phone, é possível sim “ressuscitar” mensagens apagas, afinal, como é algo que acontece com todo mundo quando vai arquivar a conversa ou exportar e sem querer apaga aquelas mensagens importantes. Relaxa que dá pra recuperar praticamente tudo!

Fazer backup das conversas

Apesar de estarmos sempre com o celular na mão, nem sempre podemos contar com suas facilidades para armazenar tudo que queremos, uma boa maneira de manter a organização é fazer o backup das conversas do app Whatsapp no PC, é uma tarefa fácil tanto para quem usa Android, quanto para os usuários de iOs.

Eu tenho um grave problema com meu celular, ele nunca tem tanta memória quanto eu preciso, sempre quero todas as minhas fotos, músicas e jogos no meu aparelho, mas ele sempre reclama que eu coloco coisas demais nele, então descobri como aliviar um pouco a carga em sua pequena memória, fazendo backup das conversas do WhatsApp.

WhatsApp Business

O WhatsApp já é um dos principais meios de comunicação no Brasil, através do aplicativo milhares de pessoas trocam mensagens diariamente, você já se perguntou como é possível melhorar o relacionamento da sua empresa com seus clientes de forma prática e online? Com o WhatsApp Business é possível.

Você pode utilizar o WhatsApp Business com um número de telefone fixo e seus clientes podem enviar mensagens para este número. Durante a verificação, selecione a opção “Me ligue” para receber o código por meio de uma chamada telefônica.

Fusne

O Fusne é um site para quem ama internet, nós somos especializados em comprar online. O que você vai encontrar por aqui é escrito por humanos, que vivem fazendo compras online, assim como você, então entende as suas dificuldades e tristezas nessas horas. O material do Fusne é testado várias e várias vezes pela equipe...

Vamos Bater um Papo?