buscar
Notícias

Aparelho de musculação cai sobre aluno; jovem não sente as pernas

Aparelho de musculação cai sobre aluno que corre risco de não andar mais.
Publicado em Notícias dia 5/08/2023 por Alan Corrêa

Na manhã desta sexta-feira (4), um incidente chocante ocorreu em uma academia localizada em Juazeiro do Norte, no Cariri cearense, quando um aluno identificado como Regilaneo da Silva Inácio, de 42 anos, foi atingido por um aparelho de musculação. O equipamento responsável pelo acidente é conhecido como “hack squat”, utilizado para a prática do agachamento convencional.

Segundo informações fornecidas pela irmã da vítima em entrevista ao g1, Regilaneo está enfrentando sérias complicações devido ao impacto, encontrando-se atualmente sem sensibilidade nas pernas e correndo o risco de ficar impossibilitado de andar. Ele está sob cuidados hospitalares e os médicos afirmam que uma cirurgia é necessária de forma imediata para tentar reverter o quadro.

Aparelho de musculação cai sobre aluno que corre risco de não andar mais

Os proprietários da academia também se pronunciaram sobre o ocorrido. Wahington Araújo, um dos donos do estabelecimento, informou que a academia irá arcar com parte dos custos da cirurgia, em uma demonstração de solidariedade à família de Regilaneo. A academia ressaltou que a preocupação principal está na saúde e na recuperação plena do rapaz, não se limitando à questão financeira.

De acordo com Cícero Aparecido, coordenador na unidade, o aparelho “hack squat” é utilizado para a prática controlada do agachamento convencional com a máquina, em vez de usar a barra livre. A academia 220 FIT, onde ocorreu o incidente, assegurou em nota que o aparelho estava em perfeito estado de funcionamento, tendo sido adquirido há menos de 60 dias, e que realizam manutenções periódicas em todas as máquinas.

As investigações estão em andamento para determinar as circunstâncias precisas do acidente e garantir que todas as medidas de segurança adequadas estão sendo tomadas na academia para prevenir futuras ocorrências. A comunidade local está unida em apoio ao aluno acidentado e sua família neste momento delicado.

*Com informações do G1.